Banco Central: com déficit de mais de 2.400 servidores, concurso deve ser solicitado até 31 de maio.

Chefe do Departamento de Gestão de Pessoas do banco, Marcelo Cota, já informou que a efetivação do pedido está nos planos do banco

Classificado como “obrigação” pelo sindicato dos servidores da autarquia, a solicitação de novo concurso do Banco Central (BC) precisa ser encaminhada ao Ministério do Planejamento até 31 de maio. 

Déficit de mais de 2.400 servidores 

Segundo Cota, a diretoria colegiada do BC aprovou um projeto de gestão da força de trabalho que irá, entre outros definir a necessidade de pessoal, além de trazer uma proposta detalhada para o concurso. 

A quantidade de vagas a ser solicitada ainda não foi informada. 

O banco possui um déficit de 2.460 trabalhadores, o que vem prejudicando o desenvolvimento das atividades em diversos setores da autarquia. 

Das 6.470 vagas previstas em lei, apenas 4.010 estão preenchidas, o que configura o menor efetivo desde 1975, segundo o Sindicato Nacional dos Funcionários do Banco Central. 

CURSO ONLINE COM ACESSO ILIMITADO ATÉ A PROVA DO BANCO CENTRAL? ASSINE AQUI!

Aposentadorias tendem a se intensificar 

E caso não haja concurso para o banco, a carência de pessoal tende a se agravar, já que centenas de servidores já possuem condições de se aposentar. 

Para o Sinal, os pedidos de aposentadoria ainda devem se intensificar com a reforma da previdência pretendida pelo governo. O pedido de concurso do BC deverá ser para os cargos de técnico, de nível médio, com remuneração inicial de R$6.882,57 (já com o auxílio-alimentação, de R$458); analista, de nível superior, com inicias de R$17.391,64; e procurador, voltado para quem possui formação superior em Direito. Para esse, os ganhos no início da carreira são de R$19.655,67.

FONTE: FOLHA DIRIGIDA

CURSO ONLINE COM ACESSO ILIMITADO ATÉ A PROVA DO BANCO CENTRAL? ASSINE AQUI!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rolar para cima

Login

Cadastre-se