CONCURSO BACEN: Governo deve liberar vagas. Técnico tem remuneração inicial de R$6.882,57

De acordo com o presidente do Sindicato Nacional dos Funcionários do Bacen (SINAL), Jordan Alisson, em reunião realizada no Ministério do Planejamento, no dia 30, o secretário de Gestão de Pessoas, Augusto Chiba, afirmou que o governo deverá atender pelo menos 20% dos pedidos de concursos solicitados junto ao MPOG.

O sindicalista contou, porém, que o secretário não antecipou quais instituições serão atendidas. Mais de 30 concursos foram solicitados ao Planejamento e são aguardados para 2018. 

A reunião da última quarta foi realizada com diversas categorias do poder Executivo federal. Procurada pela FOLHA DIRIGIDA, a Assessoria de Imprensa do Planejamento a princípio alegou que o secretário se referiu a demandas do passado, mas em seguida voltou atrás. A pasta ainda irá se manifestar sobre o assunto.

Na última segunda-feira, dia 31 de julho, o processo de autorização protocolado no Ministério do Planejamento recebeu quatros novos andamentos. A análise agora está na Coordenação-Geral de Modernização de Cargos e Carreiras/DESEN.

Foram solicitadas 800 vagas no cargo de analista, que tem requisito de formação superior em qualquer área.

As demais vagas requisitadas, 40, são no cargo de procurador, voltado para advogados com experiência mínima de dois anos de prática forense.

Para o cargo de técnico, o pedido foi de 150 vagas. A função tem remuneração inicial de R$6.882,57 (incluindo o auxílio-alimentação, de R$ 458) e exigência de ensino médio completo. 

SEGURO EDITAL: Curso Online para o BANCO CENTRAL com acesso ilimitado, clique aqui!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rolar para cima

Login

Cadastre-se