TJ-PR reabre as inscrições do concurso de Técnico Judiciário

 As informações são da GAZETA DO POVO, PARA ACESSAR A NOTÍCIA COMPLETA CLIQUE AQUI!

O TJ-PR lançou nesta sexta-feira, 27, retificação do edital 2017!

Novas Definições

No documento publicado nesta sexta-feira, a comissão organizadora deu andamento ao concurso, com as seguintes alterações:

1 –Aumento do número total de vagas (de 100 para 114), em cumprimento à Resolução n.º 203/2015 do Conselho Nacional de Justiça, ampliando o percentual de vagas reservadas aos negros, de 10% para 20%.

2 – Reabertura das inscrições no período compreendido entre as 13h do dia 07/05/2018 até às 23h do dia 11/05/2018. O valor da taxa de inscrição permanece em R$ 100.

3 – Os candidatos já inscritos como negros poderão se reinscrever para concorrer simultaneamente as vagas de deficientes e vice-versa, caso tenham direito a ambas as quotas. Para esta modalidade de inscrição não haverá taxa de inscrição.

4 – Quanto à disciplina de Noções de Direito e Legislação, as atualizações legislativas posteriores à veiculação do Edital n.º 001/2017 no Diário da Justiça eletrônico em 18/01/2017 serão desconsideradas.

5 – Não haverá mais distinção de lista de interior e capital. As vagas serão oferecidas aos candidatos a medida da nomeação, na ordem de classificação, podendo ser em qualquer comarca do estado do Paraná. Sendo assim, somente será corrigida a redação dos 1.140 candidatos melhores classificados na prova objetiva, desde que alcancem nota igual ou superior 36 pontos, ou seja,
60% de aproveitamento nas questões objetivas. Havendo notas idênticas na posição de classificação 1.140, todos estes candidatos empatados terão a questão discursiva corrigida. As questões discursivas dos candidatos com deficiência e/ou negros serão corrigidas daqueles que obtiverem nota igual ou superior a 36 pontos nas questões objetivas, ou seja, 60% de aproveitamento nas questões objetivas.

6 – O programa de estudos permanece inalterado exceto pela inclusão do Estatuto da Pessoa com Deficiência (Lei n.º 13.146/2015 e suas alterações) e, também, inclusão da Resolução do CNJ n.º 230/2016.

Diante das alterações, o candidato que não desejar mais fazer o concurso poderá requerer a devolução do valor pago a título de inscrição entre os dias 14/05 e 12/06/2018 mediante requerimento próprio direcionado à Coordenadoria de Arrecadação e Fiscalização dos Fundos Especiais do Poder Judiciário.

(Gazeta do Povo) 

CURSO ONLINE PARA O TJ-PR, ACESSE AQUI!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rolar para cima

Login

Cadastre-se