Sem concurso INSS, DPU entra com ação pela demora no atendimento

A importância do concurso INSS voltou a ser destaque após a Defensoria Pública da União (DPU) entrar com nova ação civil pública junto à Justiça Federal contra o órgão.

A justificativa da DPU é a demora do INSS em responder aos segurados sobre o pedido de benefícios. Essa falha no atendimento tem relação direta com o déficit de servidores e, portanto, com a eventual abertura de novo concurso público para o INSS.

Para amenizar parte dessa carência e ter avanços nos atendimentos. O INSS encaminhou ao Ministério do Planejamento um pedido de concurso para 7.888 vagas, sendo 3.984 para técnico (nível médio), 1.692 para analista (nível superior)

Sem o concurso, o INSS pode sofrer um “apagão” no ano que vem. Segundo dados da autarquia, dos 33.500 servidores, cerca de 55% já podem se aposentar, sendo que muitos desses sinalizaram que pretendem fazer isso em 2019. O déficit atual é de 16.548 profissionais

(Folha Dirigida)

CURSO ONLINE INSS COM ACESSO ILIMITADO, CLIQUE AQUI! 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rolar para cima

Login

Cadastre-se